Justiça… Imparcialidade…. Isso existe?

Hoje acordei meio na correria, preocupada pelas falhas da internet na região onde moro. Perderia um trabalho se não conseguisse a conexão direito. Problema detectado desde a semana passada e já com “promessa” de correção por parte da operadora, que marcou horário HOJE, das 15 às 17. Curiosamente, a Internet funciona. Mas não vieram verificar se há problema e como resolvê-lo. Corro o risco de perder novos trabalhos, mas não posso fazer nada. Essa é a minha preocupação de hoje. Aí, vou me distrair.

Lendo os e-mails, me deparo com aquele texto do Luciano Huck. E depois, venho a saber que um rapper “respondeu” ao texto.

Uma das responsabilidades druídicas é agir com sabedoria para decidir e mediar questões polêmicas. Decidi ler os dois textos e tentar “ponderar” a respeito.

LH é famoso, foi assaltado. Escreveu pra várias mídias e, claro, foi não só ouvido, como teve espaço para dizer seus sentimentos. Sentimentos compartilhados por vários de nós, trabalhadores honestos. Que vivemos numa realidade diferente da dele.
Lá estava ele com seu Rolex no pulso, presente de sua esposa.
Que sorte. Ele e a esposa têm uma boa situação de vida e ele ganhou um rolex.
Que injusto, ele teve o rolex roubado.
Aí eu penso, “Que car**** esse cara me sai em SP, com um Rolex no pulso, anda de janela aberta com o braço pra fora?” Ele deu mole…
“Ele deu mole?”… Cara*** de novo.
Me lembro do sorriso de minha mãe quando ela ganhou o pequeno solitário de brilhantes no seu aniversário de 50 anos. Compramos com muito esforço, eu, minha irmã e meu pai, dividimos as prestações para realizar seu sonho (ela sempre dizia que queria um anel assim). Onde está o anel? Guardado em seu estojo, lá em algum lugar nas coisas dela. Ela o admira, ela amou tê-lo ganhado. Mas não ousa usá-lo. “Podem roubá-lo”.
O que é justo? Quero dizer não se pode sequer andar com algo que é valioso, um presente, por causa dos assaltos. Fica uma situação assim… “O cara deu mole, mas quem pode culpá-lo por querer usar algo que ganhou de presente”?
Péra, péra, péra. Tem o lado do assaltante, o “correria”, como o rapper falou.
Pode ser que o cara tá roubando pra sustentar a família dele.
Cara, muito f*** isso, juro que é. E olha, não é justo também POR UM LADO.
Mas é justo a gente trabalhar pra cara*** e ser roubado por outro?
(mais duas facetas…. Isso tá ficando bom).
O que mais pega pra mim (e aliás, é uma das coisas que sempre me revoltava quando criança) é o seguinte: tem regra, ela precisa ser seguida. Não tinha coisa que me deixava mais puta da vida do que neguinho trapacear em jogo. Eu tinha que engolir as piadinhas e a velha premissa do “é só um jogo…”.
Mas tem regras. Quem não segue, não está sendo correto. Ponto.
Então, fiquei com a sensação de que o rapper disse pro Huck “é só um jogo”, diante de uma trapaça. Comparação, nas devidas proporções, vamos deixar claro. Afinal, não tem gente que diz que a vida é um jogo?
Parece que o rapper quis dizer: “aí, “mermão”. Cala o bico e não choraminga. Pelo menos tu tá vivo…”

Eu já tive uma arma apontada pra mim. E depois que tudo passa, realmente você acha que o melhor que pôde acontecer é exatamente “pelo menos estar viva”. Por que? Porque é tudo o que podemos fazer diante de tamanha violência.

Resolvi fazer esse exercício, porque uma das atribuições do Druida era também a de resolver e mediar situações polêmicas.

Por mais que entenda que por trás de um assalto, podem haver famílias passando fome… Roubar não é justo, não é certo de jeito nenhum…
Ná. Desta vez, não vou engolir a história de que “é só um jogo” e alguém trapaceou.

PÉÉÉÉÉÉÉÉÉ, pto negativo pra vc, “Greedo”. Han solo atirou primeiro e vc se fodeu.
Pra cadeia.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: